11/10/2019

Realização de atendimento a pacientes com feridas em unidade de Pronto Atendimento

O Parecer Conjunto N° 067/2019 do Cofen, CTAS e CTLN

O Parecer Conjunto N° 067/2019 do Cofen, CTAS e CTLN aponta que os profissionais de Enfermagem estão habilitados a realizar o atendimento a pacientes com feridas em Unidades de Pronto Atendimento, em consonância com a lei 7.498/86, Resolução Cofen 567/2018 e com as normativas e protocolos do Ministério da Saúde e/ou referendados por Protocolo Operacional Padrão (POPs) e afins aprovados pela instituição. O parecer destaca ainda que as questões ligadas à insubordinações e delitos éticos podem ser remetidos à Comissão Ética ou comunicadas por meio de denúncia ao Conselho Regional.

O parecer técnico conclui que é de entendimento da CTLN e CTAS que a gestão municipal deverá estabelecer o fluxo de atendimento da rede assistencial. Segundo a nota, cabe esclarecer que tantos técnicos de enfermagem quanto os outros profissionais – enfermeiros e auxiliares de enfermagem, que atuam nas unidades de pronto atendimento poderão realizar curativos, visto que este procedimento não está vinculado ao local de atuação do profissional e sim à sua competência técnica e legal.




  • BannerLateralSaudeEvidencias-207x114
  • e-dimensionamento-207x117